Irradiem a luz da esperança mesmo em meio a grandes dificuldades
  • CONHEÇA O BUDISMO

Irradiem a luz da esperança mesmo em meio a grandes dificuldades

O tesouro do coração é a fonte de luz que irradia otimismo e confiança

No decorrer da nossa existência podemos viver momentos de intensa felicidade, assim como também momentos de grandes dificuldades. Podemos dizer que o fato de experimentarmos circunstâncias desfavoráveis é o que nos faz dar valor às nossas conquistas e vitórias. No entanto, podemos sentir que tais obstáculos parecem maiores do que conseguimos suportar e nos vemos num beco sem saída.

Em março de 2011, a cidade de Tohoku, no Japão, foi fortemente atingida por um devastador terremoto seguido de tsunami. Para essa ocasião, Daisaku Ikeda, Presidente da SGI, expressou as seguintes palavras: 

“Sei que não é possível dar uma pausa na tristeza e no sofrimento das pessoas que perderam os entes queridos, as que perderam a terra natal e o local de subsistência ou aquelas que, forçosamente, tiveram de deixar suas casas por causa do acidente nas usinas nucleares de Fukushima. Orem intensamente, mesmo chorando de tristeza e de angústia, pois, adiante, surgirá infalivelmente a ‘força indestrutível’ e a ‘força para sobreviver’. Em nossa vida está latente o Tesouro do Coração, que não pode ser destruído por força alguma deste mundo. Possuímos “a chama da coragem” que não se apaga por nenhum temporal. Há a “luz da esperança” que derreta o amargor e o desespero dos amigos e convoca a aconchegante primavera de renascimento.” 
(Brasil Seikyo, 05 abr. 2014, ed. 2222, p. B2)

O que nos impulsiona a enfrentar quaisquer adversidades sem medo ou desânimo e transformar o sofrimento em fonte de alegria é o “tesouro do coração”. Espírito invencível, coragem, energia vital, compaixão, sabedoria e um caráter forte e digno, são algumas das qualidades que descrevem essa pessoa de coração indestrutível. Ela se preocupa em transmitir tranquilidade, paz de espírito e esperança aos outros.

“Transmitir esperança faz retornar a própria esperança na vida de quem a transmitiu. Ver os outros tornarem-se mais otimistas e esperançosos invariavelmente enaltece nosso próprio espírito. Isso porque estamos compartilhando tesouros do coração, tesouros que aumentam cada vez mais à medida que os dividimos com os outros.”
(Brasil Seikyo, 16 jun. 2012, ed. 2135, p. B2)

Ao acender uma lanterna para iluminar o caminho do outro, automaticamente o seu caminho também será iluminado. A partir dos esforços para incentivar e encorajar as pessoas que estão sofrendo, manifestamos a mais elevada condição de vida.

“Os sofrimentos e dificuldades surgem sucessivamente como ondas bravias. É por isso que praticamos o Budismo de Nichiren Daishonin — para fortalecer a nós mesmos. Não há, em absoluto, qualquer tipo de destino que não possa ser superado por meio da fé. Quanto mais nos esforçamos sem sermos derrotados pelas adversidades e pelos sofrimentos, mais nossa mente é treinada. Com o fortalecimento cada vez mais profundo da nossa mente, cultiva-se uma força interior para vencer quaisquer tipos de provações. Assim, podemos nos tornar pessoas de elevada condição de vida capaz de incentivar as outras, compreendendo o sofrimento e a tristeza delas e manifestando o sentimento de empatia. O modo de viver sem desmoronar diante das adversidades, avançando e lutando resolutamente, torna-se a comprovação da grandiosa força do budismo. Em outras palavras, quando se vive pelo kosen-rufu, o destino se transforma em honrosa missão, e as adversidades se tornam o tesouro do coração.”
(Brasil Seikyo, 30 jun. 2018, ed. 2425, p. D1-D4)

Voltando à reflexão inicial, quando nos sentirmos num beco sem saída, devemos nos lembrar que a força para transformar tal sofrimento num trampolim para a vitória está dentro de nós. Fazer do tesouro do coração a fonte de luz que irradia esperança mesmo em meio a grandes dificuldades e encontrar o caminho que nos leva para a grande estrada de sucessivas vitórias.

TAGS:CONHEÇA O BUDISMO

• comentários •

;