Niji — “Nesse momento”
  • CONHEÇA O BUDISMO

Niji — “Nesse momento”

O momento presente abarca o passado eterno e o futuro infinito

Pergunta: De acordo com a frase “nesse momento” ou niji [que consta no Sutra do Lótus], está correto entender que na prática budista podemos transformar nossa vida a partir de agora?


Resposta: O grande escritor Romain Rolland disse: “Viva o presente. Reverencie cada dia. Ame o presente, respeite o presente...”. Goethe escreveu: “Um único momento é decisivo. Determina a existência do homem e estabelece o seu destino.”


Nichiren Daishonin nos ensina a grande alegria de viver o “agora” — o momento presente, que abarca tanto o passado eterno como o futuro infinito.


Enfatizando a importância do momento presente (niji) no poema Brasil, Seja Monarca do Mundo!, oferecido pelo presidente Ikeda aos membros do Brasil em 2001, consta: “Atuem agora e vivam o presente / com a certeza de que neste exato instante / está se erguendo o futuro. / Deixem seus méritos gravados / na história de suas contínuas vitórias! / A dificuldade no momento presente / será a glória em seu futuro! / O desbravar do caminho do novo século / será proporcional a sua caminhada!


Independentemente da situação em que se encontra, quando uma pessoa se dedica seriamente à prática budista, é sua fé no presente, e não seu carma do passado, que exerce influência determinante em sua vida. Assim, com esse grande poder da fé, podemos “começar a partir de agora”, em qualquer momento que determinarmos. Essa é a ênfase que Daishonin faz na escritura Carta de Ano-Novo, em que nos ensina que celebrar esse dia fazendo oferecimentos ao Gohonzon é uma fonte de imensa boa sorte. Naturalmente, essa atitude é válida não somente no Ano-Novo, mas também na partida de cada novo dia. Nichiren Daishonin exalta também o desenvolvimento que uma pessoa alcança por manter essa atitude na vida diária, tornando-se mais virtuosa e amada por todos.


“Nesse momento”, refere-se ao instante em que criamos a seguinte determinação do fundo do coração: “Hei de me levantar agora e lutar!” É a partir desse instante que o destino começa a mudar, a vida começa a se desenvolver e a história tem início.


Desta forma, o niji da transformação de nossa vida é definido pela qualidade de nossa determinação individual com que nos levantamos em prol da realização do kosen-rufu.


Fonte: 
Brasil Seikyo, ed. 1.783, 12 fev. 2005, p. A4
TAGS:CONHEÇA O BUDISMO

• comentários •

;