Nove itens para a vitória absoluta
  • CONHEÇA O BUDISMO

Nove itens para a vitória absoluta

Estabeleça ritmos de vitória em todos os empreendimento

Na juventude, o presidente Ikeda recebeu um vigoroso treinamento do seu mestre, Josei Toda, sobre diversos assuntos [budismo, economia, legislação, ciência, astronomia, história, literatura entre outros variados temas]. Posteriormente, ele denominou esse treinamento como Universidade Toda.


A intensa capacitação possibilitou que o jovem Ikeda condicionasse sua vida a estabelecer ritmos de vitória em todos os empreendimentos.



“Acordar cedo e dormir cedo —

a fonte do meu ânimo e da minha disposição —

esse ritmo de vida ativa diariamente minha saúde

logo pela manhã”



Gongyo e daimoku representam a

cerimônia na qual nossa vida entra em harmonia com o universo”



“Se o budismo consiste em vencer, então como venceremos? No nosso coração, na nossa mente. Daishonin destaca que ‘budismo consiste em vencer’ para dar ênfase à importância de se possuir força interior e coragem para enfrentar cada obstáculo e dificuldade que surgirem na vida”



“A união de ‘diferentes em corpo, unos em mente’ (itai doshin) é a força da paz que supera qualquer força do poder. A nobre história da Soka Gakkai comprova essa verdade”



“Dar tranquilidade e paz de espírito aos veteranos, semelhantes e jovens, tornar-se o tipo de pessoa da qual muitos dizem ‘ter aquela pessoa por perto me dá tranquilidade’”



“Dediquem-se intensamente com profundo sentimento de gratidão com os companheiros que se empenham incansavelmente na luta pelo kosen-rufu. Tenham sempre o espírito de alegrá-los, de contribuir com tudo que estiver ao seu alcance, de incentivar e dar esperança a eles com toda a sua força”



“‘Nada se obtém sem esforço; tudo se pode conseguir com ele’ — essas palavras de Ralph Waldo Emerson sugerem que o esforço é a fonte de todas as conquistas. Josei Toda incentivava os jovens: ‘Gênio é sinônimo de esforço constante’”



“Estamos entrando na era do diálogo. Conversar com as pessoas é uma forma de transmitir nossos ideais e de uni-las. (...) Se os fundadores de todas as religiões do mundo se reunissem num único local, tenho certeza de que conversariam uns com os outros com um sentimento de grande compaixão e respeito”



“O que é então o bem e o que é o mal? Esta é e será sempre uma questão eterna e vital para os seres humanos. Portanto, o que podemos dizer sem erro é que o Nam-myoho-renge-kyo representa o bem mais correto. O Nam-myoho-renge-kyo é a grande Lei, eterna e imutável, que permeia todo o universo. (...) É a verdade.


A Lei Mística governa todos os fenômenos no universo”




Fonte:


Brasil Seikyo, ed. 2323, 14 mai. 2016 - Conheça o Budismo


TAGS:CONHEÇA O BUDISMO

• comentários •

;