O que é saúde?
  • CONHEÇA O BUDISMO

O que é saúde?

Trecho extraído e adaptado de uma orientação do presidente da SGI, Dr. Daisaku Ikeda, publicada na edição de novembro de 1998 da revista de estudos Daibyakurenge. Esse texto consta na edição 1.553 de 22 de abril de 2000 do jornal Brasil Seikyo.

O que é saúde? É a vida do bodisatva. Creio que a verdadeira saúde seja o espírito de continuar a lutar pelas pessoas. Simplesmente alimentar-se com “comida saudável” e pensar em si próprios, objetivando ter uma existência pacífica e segura, não é a imagem da saúde.

O bodisatva Rei dos Remédios, que simboliza a saúde, deu a vida por suas convicções. Uma vida de batalhas é uma vida saudável.

O Dr. René Dubos (1901–1982), físico de renome mundial com quem tive o privilégio de me encontrar, disse: “Embora seja mais confortável imaginar uma vida livre de tensões e exigências num mundo livre de preocupações, isso continuará a ser um sonho inútil”.

E continuou: “A Terra não é um local de descanso. O ser humano escolheu lutar, não necessariamente por si próprio, mas por um processo de crescimento ético, intelectual e emocional que continuará para sempre. Crescer em meio ao perigo é o destino da raça humana, pois é a lei do espírito”.1

Transformar as tensões e preocupações em força vital é o princípio da “transformação de veneno em remédio”. Precisamos concretizar uma condição de vida para “viver com grande alegria”. É com esse objetivo que devemos lutar.

O budismo nos pede: “Além da vida e da morte, concretize o que você deve concretizar!”. Com esse senso de missão, não há nem sofrimento nem morte. Com esse comprometimento, até mesmo a dor da morte se transforma em força para avançar.

Nichiren Daishonin ensina que o trecho da transferência na última metade do sutra, ou o ensinamento essencial, explica o método da prática dos capítulos “Meios Apropriados” e “A Extensão da Vida”, do Sutra do Lótus (cf. CEND, v. I, p. 73). Creio que o capítulo “Rei dos Remédios” realmente nos conclama: “Defensores do kosen-rufu nos Últimos Dias da Lei! Façam com que sua vida brilhe como a do bodisatva Rei dos Remédios!”.

Quando surgirem muitos jovens com essa determinação, a SGI será realmente eterna. Será uma organização que “não conhecerá nem a velhice nem a morte”, enviando a “luz que cura” para toda a humanidade pelo eterno futuro.

Notas:

1. DUBOS, René. Mirage of Health: Utopias, Progress, and Biological Change [Miragem da Saúde: Utopias, Progresso e Mudança Biológica]. Nova York: Doubleday Company, Inc., 1959. p. 230.

 

TAGS:CONHEÇA O BUDISMO

• comentários •

;