Quatro diretrizes para uma vida saudável
  • CONHEÇA O BUDISMO

Quatro diretrizes para uma vida saudável

Desfrutem de excelente saúde física e mental


Quando nosso gongyo e daimoku são lentos e sem entusiasmo, nós nos sentimos fisicamente lentos também. Provavelmente, muitos de vocês podem identificar isso.


A boa sorte e os benefícios que extraímos ao orarmos vigorosamente são imensuráveis. Nosso corpo, coração e mente começam a exibir seu ilimitado potencial latente.




Dormir o suficiente é outra base importante para a boa saúde. Não ter um sono adequado é como deixar o motor de um carro constantemente ligado. Acabará apresentando falhas ou enguiçando.


O Sr. Toda costumava dizer que o sono que temos antes da meia-noite é duas vezes mais profundo que aquele após esse horário. Assim, deveríamos ir para a cama o mais cedo possível. Isso parece ter respaldo na medicina.


Estar preso ao ciclo nocivo de ficar acordado até tarde, mesmo que seja por rotina ou força do hábito, dormir demais e despertar sem se sentir revigorado significam, definitivamente, não pôr a fé em prática de maneira correta na vida diária.




A atividade física é, logicamente, um fator crucial para melhorar a saúde. Em particular, os esforços ao contribuir para a propagação do budismo, a felicidade das pessoas e o bem da sociedade são uma inimaginável fonte de revitalização interior e energia para viver com ânimo.


Em contraste, se paramos de agir pelos outros, considerando tais esforços um aborrecimento e nos fechamos em uma concha de vantagens pessoais e frio individualismo, nosso corpo e nossa mente começarão a estagnar e, em virtude disso, nos tornaremos mais suscetíveis a doenças.


Vocês, por outro lado, estão empenhando nobres esforços dia e noite para contribuir com o bem-estar das pessoas — propagando os ensinamentos do Budismo Nichiren, encorajando nossos companheiros e se esforçando para o desenvolvimento da comunidade.


Quando contribuímos para a felicidade dos demais, compartilhando a luz da esperança com os que nos rodeiam, uma nova esperança ilumina nossa própria vida e a faz brilhar de benefícios e boa sorte.




Comer em demasia pode levar à obesidade. O grande mestre Tiantai da China listou o ato de comer ou beber de forma imprópria como uma causa da doença (cf. CEND, v. I, p. 659). Como corrigir hábitos alimentares desequilibrados? Como, efetivamente, controlar o desejo de comer mais do que necessitamos? É exatamente aí que precisamos aplicar a sabedoria e o bom senso.


De acordo com a medicina, é desejável parar de ingerir alimentos três horas antes de ir se deitar. Mas, se estiverem realmente com fome e acharem que é impossível não comer nada, prefiram vegetais ou qualquer outro alimento de baixa caloria.


Espero que desfrutem excelente saúde física e mental e vivam de forma maravilhosa, adornando esta nobre existência com vitória e felicidade, ao mesmo tempo em que se empenham com vibrante fé e alegre companheirismo.




Fonte:


Brasil Seikyo, ed. 2342, 8 out. 2016 - Conheça o Budismo


TAGS:CONHEÇA O BUDISMO

• comentários •

;