Budismo dos três mil mundos num único momento da vida
  • ARTIGOS

Budismo dos três mil mundos num único momento da vida

Entenda a manifestação de todos os fenômenos

A essência dos ensinamentos do buda Shakyamuni, que se consolidou efetivamente no Sutra do Lótus, revela os princípios da iluminação de todos os seres. Tiantai, [estudioso do budismo] da China (séc. 6), com base no Sutra do Lótus, sistematizou a totalidade da vida como o princípio de ichinen sanzen (três mil mundos num único momento da vida).


Ichinen, “determinação”, significa a vida em cada momento; e sanzen, “três mil”, representa a vida analisada de um ponto de vista diferente no qual a Lei é sintetizada em dez estados de vida. Cada um desses dez estados também possui os próprios dez estados de vida, que também possuem dez aspectos ou fatores e tudo em três domínios da existência (dez estados x dez estados x dez fatores x três mundos = três mil).


Dez estados de vida [ou dez mundos] são condições com que uma vida se manifesta e pode variar entre mundo do inferno, mundo dos espíritos famintos, mundo dos animais, mundo dos asura, mundo dos seres humanos, mundo dos seres celestiais, mundo dos ouvintes da voz, mundo dos que despertaram para a causa, mundo dos bodisatvas, mundo dos budas. Cada um também é referido com denominação como os reinos de asura, seres humanos, seres celestiais, ouvintes da voz, aquele que desperta para a causa. Em cada situação, a vida manifesta um dos dez estados, que, por sua vez, possui em si todos os dez estados. A isto denomina-se “possessão mútua dos dez estados de vida”.


Dez fatores são um princípio que esclarece os dez aspectos da vida existente nos dez mundos. De acordo com o capítulo “Meios Apropriados” (Hoben), do Sutra do Lótus, são eles: aparência, natureza, entidade, poder, influência, causa interna, relação, efeito latente, efeito manifesto e consistência do início ao fim ou fator unificador que dá coesão a todos os fatores entre si, do início ao fim.


Três domínios da existência significam o ambiente em que a vida se manifesta com todos os dez estados de vida e os dez fatores: “domínio dos cinco elementos”, “domínio dos seres vivos” e “domínio do meio ambiente”. O princípio de três mil mundos num único momento da vida revela a natureza da vida e o universo em sua integridade. Em outras palavras, é a manifestação de todos os fenômenos e forças do universo em um único momento da vida.


Com base no Sutra do Lótus e no princípio de três mil mundos num único momento da vida, de Tiantai, Nichiren Daishonin revelou o Gohonzon do Nam-myoho-renge-kyo, a mais suprema entidade da vida e do universo, estabeleceu o ensinamento budista prático que capacita todas as pessoas a transformar sua vida no mais profundo âmago.


A prática do budismo de Nichiren Daishonin nos possibilita a transformar não somente nossa vida, mas também provoca uma mudança positiva na vida das pessoas que estão ao nosso redor, em nosso ambiente e em toda a humanidade. O ensinamento do budismo de Nichiren Daishonin não é uma teoria vazia. Pelo contrário, é uma filosofia que nos conduz à verdadeira transformação de nossa vida e do mundo. Por essa razão, é denominado de “budismo dos três mil mundos num único momento da vida”.


Fonte:
Brasil Seikyo, ed. 2.230, 7 jun. 2014, p. B2
TAGS:ARTIGOS

• comentários •

;