Converter o sofrimento em alegria
  • ARTIGOS

Converter o sofrimento em alegria

Dificuldades são a força motriz para um revigorado crescimento

Com base no discurso do presidente da SGI, Daisaku Ikeda, proferido na Reunião Geral de Nagano realizada em 4 de agosto de 1991 no Centro de Treinamento de Nagano em Karuizawa, Nagano.


A vida de Nichiren Daishonin foi pautada por uma série de adversidades e perseguições, incluindo os dois exílios. Alguns de seus discípulos o questionavam sobre onde poderiam encontrar paz e conforto nessas circunstâncias. Daishonin firmemente afirmava que as dificuldades são de fato paz e conforto e, em seus escritos, fez repetidas declarações: “Que sorte tenho!”; “Como estou feliz!”; “Em minhas existências futuras, desfrutarei imensa felicidade, e este pensamento me proporciona grande alegria”; “É impossível descrever tal alegria!”. Ele desfrutou de um estado de vida que só conseguia descrever com as palavras “Que boa sorte! Que alegria!”.


Do ponto de vista budista, o surgimento de dificuldades é inevitável. O mais importante é como podemos transformá-las de veneno em remédio e fazer delas a força motriz para um revigorado crescimento.


Não há motivos para sentirmos ansiedade ou para nos lamentar toda vez que rigorosos ventos de adversidade sopram em nossa direção. Se mantivermos a poderosa determinação de transformar todos os acontecimentos em ventos que favorecem nosso impulso, certamente desbravaremos o caminho adiante.


Sem dificuldades não existe a verdadeira prática budista; sem desafios não existe a verdadeira felicidade e não seria possível manifestar o estado de buda também. Quando praticamos o Budismo de Nichiren Daishonin com esse entendimento, jamais nos deparamos com os impasses da vida.


O poder do estado de vida de um indivíduo é realmente maravilhoso, e a força da determinação que surge dentro de si é ilimitada. Dependendo do seu estado de vida e da sua determinação, as pessoas podem alcançar resultados e viver existências completamente diferentes em situações e circunstâncias idênticas.


Aqueles que possuem uma firme resolução em promover nosso movimento pelo kosen-rufu certamente apreciarão o vasto céu azul de boa sorte que rapidamente surge em sua vida, expandindo-se mais e mais, como se o vento dissipasse todas as nuvens cinzentas.


Fonte:
Brasil Seikyo, ed. 2.247, 11 out. 2014, p. B2
TAGS:ARTIGOS

• comentários •

;