Uma fé sincera garante bons aliados
  • ARTIGOS

Uma fé sincera garante bons aliados

O tipo de pessoas que vocês têm ao redor determinará em grande medida a direção que suas vidas tomarão no futuro

Trechos do discurso do presidente Ikeda proferido por ocasião da inauguração do Centro Cultural da Soka Gakkai da Tailândia (SGT).


“Persistência é poder”

Na fé, persistência é o que conta. O grande escritor tailandês Luang Vichitvatakarn, que produziu muitas obras célebres, escreveu que “uma persistência regular constrói uma grande força”. Esse princípio possui aplicações abrangentes. É com a crença de que “persistência é poder” que estou empenhando-me ainda mais para desenvolver o intercâmbio cultural entre a Tailândia e o Japão.


A persistência aprofunda a amizade e cultiva a confiança e a boa vontade. Por meio da persistência se descortina o futuro. Gostaria de transmitir minha paixão em promover intercâmbios entre os povos, assim como um bastão numa maratona, aos meus confiados amigos da Divisão dos Jovens da Tailândia.


Associar-se às pessoas de boa índole conduz ao autodesenvolvimento

A fim de “persistir” é importante que uma pessoa tenha bons amigos e colegas.


Nichiren Daishonin diz que “aqueles que se associam às pessoas de boa índole, embora eles próprios possam não ter nenhuma virtude em particular, consequentemente se tornarão honestos em sentimentos, ações e palavras”.


Com que tipo de pessoas vocês atualmente se associam? Com que tipo de pessoas vocês se encontram? O tipo de pessoas que vocês têm ao redor determinará em grande medida a direção que suas vidas tomarão no futuro.


Todos os budas, bodhisattvas e divindades celestiais são seus aliados

No Gohonzon estão retratados os dois budas, Shakyamuni e Taho, vários bodisatvas e divindades celestiais. Tais respeitáveis divindades contidas no Gohonzon possuem uma variedade de poderes e funções, tais como as de curar as doenças e conceder a sabedoria.


Quando trabalhamos em prol do Gohonzon e em prol do kosen-rufu, todos os budas, bodisatvas e divindades celestiais em todo o universo nos protegem constantemente.


Daishonin diz que “o buda Shakyamuni, todavia, prometeu proteger com suas vestes os que não obstante perseveram. Todos os deuses budistas contribuirão para 'apoiá-los com seus ombros e carregá-los em suas costas'”.


Essa é a promessa que fizeram. Portanto, assumindo um ar sublime, vamos estimular as divindades celestiais a agir. Elas são comparáveis aos nossos servos. Como falhariam em nos proteger? Como falharíamos em nos tornar felizes?


Naturalmente, não seria bom se simplesmente assumíssemos um ar sublime enquanto negligenciássemos empreender ações pelo kosen-rufu. Mesmo os empregados de uma empresa são inspirados a se empenhar ao máximo quando vêem o presidente trabalhando arduamente. Numa corrida, são aqueles que correm com todas as suas forças que são saudados entusiasticamente pelos espectadores. Ninguém torcerá por um competidor que está correndo de maneira letárgica e desmotivada. O mesmo acontece com as divindades celestiais. Elas protegerão sinceramente uma pessoa sincera. Elas empreenderão ações para salvaguardar uma pessoa que se esforça. O budismo é razão.


O Gohonzon é um espelho

Nichiren Daishonin, portanto, ensina enfaticamente que devemos ter uma fé resoluta. [Por exemplo, ele diz: “A mente de uma pessoa é como a água. Uma fé fraca é como a água lamacenta, mas uma fé resoluta é como a água límpida”.]


A fé para empreender ações corajosas e vigorosas produz benefícios. As entidades celestes não se moverão em resposta à fé de uma pessoa que é covarde, que tem ciúmes das outras, que reclama, ou que está sempre tramando algo. Nesse sentido, o Gohonzon é um espelho. A fé de uma pessoa para com o Gohonzon é refletida, tal como ela é, no Gohonzon e, definitivamente, revelada na vida diária dessa pessoa.


Se a fé de uma pessoa é forte e pura, correspondentemente à sinceridade dessa fé, ela será perfeitamente refletida no espelho do Gohonzon. Consequentemente, as divindades celestiais se movimentarão em prol dessa pessoa e sua vida será repleta de felicidade. Entretanto, se a fé de uma pessoa é fraca e impura, então a atitude para com a fé refletida no Gohonzon é a mesma, e a sua vida se moverá na direção correspondente a essa atitude.

Como sempre, a fé é o mais importante.


Transformar um grande obstáculo numa fonte de alegria

Portanto, uma pessoa de fé jamais é derrotada por qualquer tormenta de obstáculos que possa encontrar. A vida de Nichiren Daishonin foi uma sucessão de perseguições, todas as quais em prol da felicidade da humanidade. A Perseguição de Tatsunokuchi em 1271, em particular, foi a maior provação que ele experimentou em sua vida e mesmo assim permaneceu inabalável diante dos eventos que se descortinavam.


Na ocasião de sua quase execução, Daishonin disse a seu leal seguidor Shijo Kingo, que estava mergulhado em tristeza pelo destino de seu mestre: “O senhor deve estar encantado com esta grande boa sorte (ou seja, de ser decapitado em prol do Sutra do Lótus)”.


Possuir essa inabalável convicção face a qualquer dificuldade é saborear um estado de mente tão majestoso quanto o fluxo do Rio Chao Phraya, da Tailândia. A fé possibilita-nos atingir essa condição.


Fonte: 
Brasil Seikyo, ed. 1.272, 14 maio 1994, p. 4
TAGS:ARTIGOS

• comentários •

;