Despertar a consciência para o valor da saúde
  • BEM ESTAR E SAÚDE

Despertar a consciência para o valor da saúde

No dia 5 de agosto é comemorado o Dia Nacional da Saúde.1 A data surgiu para lembrar a todos sobre a importância de cuidar da saúde física e mental. Neste artigo, separamos incentivos do Mestre sobre conduzir uma vida saudável de forma sábia

Trechos extraídos e adaptados do discurso publicado no jornal Brasil Seikyo, ed. 1.244, 2 out. 1993, p. 4.

A vida é preciosa. Todos nós devemos nos esforçar para ter uma vida longa e saudável. Para isso, é vital descansar o suficiente. Devemos tentar seguir uma dieta saudável e balanceada — com cuidado para não comer muito tarde da noite — e andar bastante.

É também importante não nos cansarmos exageradamente, pois a fadiga é a primeira causa para vários casos de doença. Dormir é um grande remédio. É necessário nos esforçar em ir cedo para a cama e descansar o suficiente.

Pratiquem a fé de maneira que possam viver alegremente, cuidando do corpo e da saúde de forma sábia e habilidosa.

Os “quatro sofrimentos” — nascimento, envelhecimento, doença e morte — são partes inevitáveis da vida. Portanto, pode ser que, algumas vezes, adoeçamos ou nos deixemos influenciar pelo clima. Precisamos saber lidar com eles e superá-los. Oro para que, conduzindo sabiamente a vida por meio da fé, vocês sejam capazes de transformar o veneno em remédio e de assegurar uma rápida recuperação quando adoecerem. (...)

É trabalho dos médicos curar as doenças. A fé possibilita acumularmos boa sorte e convocarmos as forças essenciais da vida para lutarmos contra as doenças. Vivam com coragem e sabedoria, para que todos — médicos, remédios e amigos, com seus encorajamentos — possam funcionar como uma influência positiva e protetora (shoten zenjin) em sua vida.

A vida é brilhante e alegre se vocês sempre tentarem ver as coisas e agirem de forma positiva.

Estar constantemente se lamentando com uma expressão triste ou com marcas de reclamações e de descontentamento, ou simplesmente fazer as coisas de má vontade, sem entusiasmo, é uma maneira tediosa e triste de viver. (...)

Por favor, usem a sabedoria e o bom senso. Vocês devem saber como proteger a saúde. (...) O importante é mantermos nossa fé no Gohonzon por toda a vida como base da nossa prática.

Nota:

1. A Lei nº 5.352, de 8 de novembro de 1967, determinou que o dia 5 de agosto seria dedicado à conscientização da população em relação aos valores da saúde. Não por coincidência, a data foi escolhida para recordar e homenagear Oswaldo Cruz, que nasceu em 5 de agosto de 1872, pelas suas realizações no combate a epidemias.

Referências:

Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/datas-da-saude. Acesso em: 4 ago. 2020

Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1950-1969/L5352.htm. Acesso em: 4 ago. 2020.

 

TAGS:BEM ESTAR E SAÚDE

• comentários •

;