Façam sua personalidade brilhar
  • JUVENTUDE

Façam sua personalidade brilhar

Com esforço é possível transformar seus pontos fracos

Trechos de entrevista com o presidente da SGI, Dr. Daisaku Ikeda para o jornal juvenil Mirai.


Jornal Mirai: Nos e-mails e nas cartas, muitos leitores afirmaram que estavam preocupados com a própria personalidade. Eis algumas das coisas que escreveram: “Sou muito calmo e sério, e acho difícil fazer amizades”, “Não gosto de mim mesmo” e “Como posso mudar minha personalidade?”.


Dr. Ikeda: Ter problemas e preocupações significa que estão crescendo. Vocês estão se movendo rumo ao futuro, então têm de enfrentar os obstáculos que surgirem agora e depois. Gostaria de agradecer a vocês, meus jovens leitores, por compartilhar seus sentimentos de forma honesta.


Há momentos em nossa juventude em que nos sentimos como se fôssemos feitos apenas de um monte de imperfeições. Quando eu era jovem, muita coisa sobre minha personalidade me preocupava e tentei aprimorá-la.


Vocês estão em uma idade em que são muito influenciáveis, e é natural que tenham essas preocupações. Mas, se tentarem se colocar numa posição de ser outra pessoa, apenas se esgotarão. Por favor, tenham em mente que a personalidade se refere a características únicas de cada um, e não a diferenças de valor intrínseco das pessoas. Espero que sempre se lembrem desse ponto.


E quando pensarem sobre isso, reflitam: existe personalidade boa ou personalidade ruim? É ruim ser tímido? Se todos fossem assertivos, o diálogo nunca acabaria! [risos] E sobre ser quieto? Se todos fossem falantes, como poderíamos suportar o barulho? [risos]


É preciso que existam todos os tipos de pessoa, desde as mais animadas às tagarelas; as que escutam em silêncio e com atenção, e as que não falam muito, mas cada palavra vale ouro.


Muitas pessoas acham difícil falar em público ou sentem-se nervosas quando conhecem alguém pela primeira vez. Admiro aqueles que criam coragem e rompem esse nervosismo.


Você que escreveu dizendo que era muito quieto e sério, talvez pudesse se descrever “pensativo”, “calmo e equilibrado”, ou “seguro e controlado”. E assim será, sem dúvida, capaz de encontrar bons amigos que confiam em você e o apreciam por essas qualidades e também será capaz de confiar neles e apreciá-los.


Se fizerem um esforço sincero, podem transformar todos os seus pontos fracos em pontos fortes. Especialmente quando trabalham por um grande objetivo maior que si próprios, podem fazer uso positivo e valioso dos seus traços de personalidade únicos de forma que sejam fiéis a si mesmos.


Fonte: 
Brasil Seikyo, ed. 2.139, 14 jul. 2012, p. B2
TAGS:JUVENTUDE

• comentários •

;