Como se renovar a cada dia
  • BEM ESTAR E SAÚDE

Como se renovar a cada dia

Trechos de um discurso do presidente Ikeda proferido em uma reunião de representantes da Divisão de Profissionais e Executivos, em 1996.

Em primeiro lugar, gostaria de expressar minha profunda estima pelos esforços que os senhores realizam todos os dias. No Gosho consta a seguinte frase: “Nenhum assunto secular, da vida ou do trabalho, difere de forma alguma da realidade fundamental”1 (CEND, v. II, p. 169). De acordo com seu ensinamento, estamos atuando na vanguarda da sociedade e também no movimento pelo kosen-rufu. Hoje, com o máximo respeito pelos seus empreendimentos, gostaria de compartilhar os seguintes pontos com os senhores. […]

O gigante da literatura Johann Wolfgang von Goethe (1749–1832) trabalhava arduamente na vanguarda da sociedade enquanto se empenhava continuamente para cultivar seu próprio espírito. Goethe era conhecido por suas atividades públicas, que incluíam um mandato como ministro de Estado na República de Weimar.

Ele viveu até os 82 anos, continuando a trabalhar com vigor até o último momento da sua vida. Qual era o segredo da vitalidade e da paixão de Goethe? Em um poema, ele escreveu:

Diga-me! Como continua a renovar-se?

Você também pode fazê-lo, se sempre se alegrar com o que é grandioso.

Pois o que é grandioso é sempre novo, caloroso e revigorante;

enquanto os de espírito fútil são sempre insensíveis, congelados pelo que é insensível.2

A preocupação com questões triviais e assuntos de conferências tende a poluir a vida, exaurindo toda a vitalidade. Os resmungos e as lamentações constantes também desgastam a criatividade.

Goethe sempre buscava o que era grandioso. A palavra inveja não constava do seu vocabulário. Ele disse:

(...) Pois, respeitando-o (o que é grandioso), nós nos elevamos até ele, e, por nosso próprio reconhecimento, provamos que trazemos dentro de nós próprios o que é mais elevado, e somos dignos de estar no mesmo nível que ele.3

Goethe se alegrava em orações profusas e excelentes. Era assim que elevava e enriquecia seu espírito. É por isso que ele era sempre tão dinâmico. Seu princípio era: “Viva com vigor!”.

O budismo ensina que imensos louvores pertencem a um único momento de regozijo ao ouvir o Sutra do Lótus. Um espírito que se comove e se alegra ante a grandiosidade da Lei Mística é a chave da eterna juventude.

Os poemas de Goethe estão cheios de um otimismo saudável:

Por que precisa ponderar tanto,

Agitado pelos caminhos do mundo?

Somente a disposição e o bom senso,

Trarão seu ganho máximo.4

Faça apenas o que é certo em seu próprio campo,

O resto se resolve por si só.5

Você oferece muitas maneiras para se salvar! Mas com qual eu me preocupo?

A esperança melhor: Presença de espírito!6

Em outras palavras, o importante é avançarmos com brilho e nos empenharmos para sermos vitoriosos a cada momento no lugar onde estivermos; iniciarmos algo aqui e agora, em vez de ficarmos nos afligindo e nos preocupando com o que acontecerá. Esse é o ponto de partida para transformamos nossa vida.

Notas:

1. Essa frase consta em Profundo Significado do Sutra do Lótus, de Tiantai, como um resumo do seguinte trecho do capítulo “Os Benefícios do Mestre da Lei” do Sutra do Lótus: “As doutrinas que eles pregarem durante essa época se ajustarão à essência dos princípios e jamais irão contrariar a realidade fundamental. Quando expuserem algum texto do mundo secular ou falarem sobre questões do governo ou ocupações que sustentem a vida, em todos os casos o farão de acordo com a Lei correta” (CEND, v. II, p. 170).

2. GOETHE J. W. Panazee. InEpigrammatisch. Gedichte. Zurique: Manese Verlag, 1949. p. 221. Tradução do alemão:

3. GOETHE, J. W. Conversation of Goethe with Eckermann [Conversas de Goethe com Eckermann]. Londres: J.M. Dent and Sons Ltd., 1930. p. 157.

4. GOETHE, J. W. Sprichwörtlich. Gedichte, Zurique: Manesse Verlag, 1949. p. 236. Tradução do alemão:

5. Ibidem, p. 219.

6. Ibidem, p. 227.

 

TAGS:BEM ESTAR E SAÚDE

• comentários •

;