Não tenha medo de errar
  • JUVENTUDE

Não tenha medo de errar

O mundo precisa de pessoas que abram novos caminhos

Discurso do presidente Ikeda adaptado de um ensaio extraído de uma coletânea intitulada Meus Pensamentos, publicada no Japão em maio de 1969.


A confiança é um requisito essencial para a vida humana. No caso dos jovens, em especial, serem dignos de confiança é o maior patrimônio que podem possuir. É pouco provável que um jovem incapaz de construir laços de confiança seja bem-sucedido.


Confiança é algo difícil de construir e fácil de destruir. Pode-se perder a confiança cultivada mediante décadas de esforços por uma palavra ou gesto descuidados num momento crucial. Fachadas elaboradas com esmero tendem a desabar numa conjuntura crítica.


Aqueles que perseveram diante de adversidades para cumprir sua missão definitivamente obterão a confiança de todos ao redor.


Dedico o mais elevado respeito e admiração àqueles que, apesar de exercerem funções que talvez não sejam tão empolgantes e não atraiam os holofotes, devotam-se ao trabalho todos os dias, com muita consciência, e continuam se esforçando pacientemente para se aprimorar um passo de cada vez.


Embora a confiança das outras pessoas seja importante, pode ser um erro fatal para os jovens uma postura excessivamente cautelosa e comodista. Os insucessos que experimentarem na juventude poderão ser incrivelmente valiosos para a construção dos alicerces de seu futuro. Os jovens devem ter ciência do fato de que não são perfeitos e tentar viver cada dia com coragem, sendo fiéis a si mesmos.


Aqueles que vivem de forma resoluta, que possuem um espírito invencível e conseguem emergir das profundezas do desespero, assim como a fênix renasce das cinzas, são mais propensos a, no fim, alcançar uma brilhante vitória do que aqueles que nunca experimentaram um fracasso ou uma decepção. Não devemos ter medo de falhas ou erros, mas sim de permitir que nos derrotem.


É tolice deixar que um ou dois reveses nos desencorajem. A vida é uma jornada longa, muito longa. Por mais maravilhosa ou bem-sucedida que possa ter sido a trajetória de nossa vida, nada poderia ser mais trágico do que acabarmos padecendo infelizes e derrotados nos anos finais.


Avancem com coragem e convictos de que, quanto mais equívocos cometerem na juventude, mais sólidas serão as bases para a construção de um novo capítulo em sua vida e da edificação de uma felicidade que perdure para sempre.


Além disso, como jovem, é importante ter a garra e a integridade de reconhecer seus erros honestamente. Nunca seja covarde a ponto de se recusar a admitir seus enganos e, em vez disso, imputá-los aos outros.


Ter a mente aberta o suficiente para refletir serenamente e identificar onde errou podem ser uma fonte futura para criar valor.


Não há nada mais gratificante, reanimador ou encantador do que um jovem se empenhando intensamente para atingir um objetivo. Nada no mundo é mais belo que a luta ardorosa dos jovens.




Fonte:


Brasil Seikyo, ed. 2331, 16 jul. 2016 - Encontro com o mestre


TAGS:JUVENTUDE

• comentários •

;